Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Diogo Limão

Recursos Humanos

6 Dicas Rápidas Para o Melhor Ano Possível!

ano novo 2018 dicas  (1).png

 

Feliz Ano Novo! 

 

Ainda não tinha tido a oportunidade de lhe deixar os meus votos de ano novo, aqui no blogue. Espero que este novo ano seja repleto de tudo o que deseja, bem como muita saúde para si e para os seus, e votos de que tudo o que desejou para 2018 se concretive no tempo e forma planeados.

 

Quero falar-lhe, neste primeiro texto do ano, não sobre objetivos -- esses já o sabe estipular com base em textos passados -- mas algumas dicas para percorrer este novo ano, os objetivos que estipulou e as resoluções que quer fazer acontecer da melhor forma. Fique para ler!

 

Se for como eu, estas primeiras horas do ano não nos convidam a textos que nunca mais acabam e que não vão diretos ao assunto. Queremos alguma coisa com que nos possamos identificar e utilizar na nossa vida mas que sejam rápidos e que nos permitam voltar para as nossas vidas ainda a tempo de queimar os últimos cartuxos do primeiro dia do ano, não é verdade? Como estou cá para cada um de vocês, caros leitores, deixo-lhe 6 dicas que o poderão ajudar a viver melhor consigo, com os outros e com os seus objetivos e responsabilidades. 

 

Estas são as minhas 6 Dicas de Ano Novo:

 

1. Decida: desejo ou objetivo?

Há algumas horas atrás desejou 12 coisas, representadas por cada uma das passas com que celebrou a chegada do novo ano. Serão todas essas coisas apenas desejos ou terão, elas, potencial para serem elevados à denominação de "objetivo". Analise cada um dos seus desejos e decida: quero ter um desejo ou um objetivo para concretizar? Se escolher o segundo, trate-o como tal, usando estas ferramentas.

 

2. Priorize os seus objetivos

Somos levados a acreditar que devemos ter 12 desejos representados por 12 passas, mas eu pergunto-lhe: todos têm a mesma prioridade? Consegue identificar algum que é "o" objetivo do ano? Aquele objetivo que, se atingido, irá alavancar os restantes e torná-los mais fáceis de alcançar? Faça uma lista realista e honesta. Agradeça-me depois!

 

3. Tenha uma mente positiva 

Tenha uma mente positiva e aberta a novas possibilidades e oportunidades, sempre com a esperança que o que virá para si, no futuro, será o melhor. As vida nem sempre corre como idealizámos mas alguém disse, um dia, algo que só nos pode traquilizar: a vida é 10% do que nos acontece e 90% a forma como encaramos o que nos acontece. Seja positivo e esperançoso e verá que tornará a viagem por este novo ano numa experiência mais prazeirosa.

 

4. Seja incondicional consigo mesmo

O ser humano tem o dom de conseguir boicotar-se a si próprio e isto não é, de todo, algo que quererá para si. Aquilo que diz a si próprio sobre a sua imagem, resultados e características pessoais pode estar a prejudicá-lo, se tenderem para o discurso negativo. Faça o teste: diria as coisas que diz a si próprio à sua pessoa, com 8 anos de idade? Ou motivar-lha-ia para ser melhor e para correr atrás dos seus sonhos, dizendo "tu consegues!"? Não se esqueça que essa criança ainda está em si, escondida, mas a ouvi-lo.

 

5. Corra atrás do que é realmente importante para si

Se não tem essa prática, faça deste novo ano algo seu! Falo sobre decidir para o seu bem: faça o que o faz crescer e o torna feliz, faça-se acompanhar das pessoas que mais gosta e que o motivam a ser, em cada dia, a melhor pessoa que consegue ser. Tente agradar-se a si e não aos outros! 

 

6. Não trabalhe muito, trabalhe de forma inteligente

Esta é uma dica que é fundamental ser ajustada à sua realidade, ainda assim, procure em si a sua verdade. Quando falamos em objetivos e resoluções de ano novo muito grandes, uma verdade é absoluta: quanto maior é, maior será a sua preparação. Quem quer poupar muito dinheiro até ao final do ano, não o faz de um dia para o outro, nem o conseguirá -- de forma saudável -- nos 2 últimos meses do ano. Se quer uma forma física de um atleta, não o conseguirá de uma semana para a outra -- nem seria possível porque o seu corpo o protegiria disso. O ditado "não se dá um passo maior que a perna" nunca foi tão verdadeiro: este ano planeie e entre em ação de forma inteligente e comece desde logo a preparar o resultado que procura.

 

Agora sim: pode voltar para junto da companhia da sua família e amigos, com a motivação que este ano irá ser repleto de coisas boas e que você terá todos os recursos para atingir o que definiu.